Quinta-feira, 4 de Dezembro de 2008

Novo blog

Link para o meu novo cantinho.... Espero lá por voces.
Obrigado por lerem os devaneios que escrevo.


publicado por sensei às 11:07

link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 1 de Julho de 2008

Acabou, adeus....

 

Hoje dobro o meu quimono
Hoje sinto-me injustiçado
Hoje sinto que por muito que faça
Ninguém olha para o que tenho passado
 
Penso em desistir
Penso em deixar de lutar
Penso que é tempo de partir
Penso que é tempo de acabar
 
De que serviram os treinos
Os sacrifícios e lesões
De que serviu o meu empenho
De que serviram as técnicas e combinações
 
Ninguém vai apostar em mim
Nunca o fizeram até agora
O meu tempo está a chegar ao fim
O final já não demora
 
As coisas que deixei para trás
Os amores aos quais não me entreguei
De que servem neste momento
Ninguém olha pelo que lutei
 
Dobro o meu quimono
Talvez para não o desdobrar
Talvez ele vá mudar de dono
Para alguém em que queiram apostar
 
Faço uma última saudação
Deixo o dojo devagar
O que levo no coração
Não me quer deixar parar
 
Não sacrifico mais a saúde
Não sacrifico mais o meu viver
Pois sacrifiquei até agora
E de nada me está a valer
 
Abandono o meu sonho
Peço desculpa ao meu irmão
Nunca atingi o que ele esperou
Ser eu um atleta de selecção
 
Agora vou ser egoísta
Colocar a saúde me primeiro lugar
Vou ter o dinheiro em vista
E neste desporto pouco mais vou empatar
 
Vou dar o meu melhor
Até ao final desta temporada
Mas se calhar sem muito arriscar
E também sem esperar nada
 
Peço desculpa a quem esperou mais de mim
Desculpem por os ter desiludido
Mas também eu me desiludi
E agora estou perdido
 
Não me querem ajudar
Não me querem convocar
Não me querem seleccionar
Paciência, a minha vida vai continuar

 

 

publicado por sensei às 11:42

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 5 de Maio de 2008

Algo especial

Sinto-me um homem feliz

Porque alegrei o fim-de-semana de alguém

Porque com o que eu fiz

Coloquei o sorriso na cara de alguém quem me quer bem

 

Como me fez ganhar o dia

Saber que o que fiz alguém gostou

Como se tornou importante o meu dia

Ao saber que o meu puto, e a minha mãe, adorou

 

Não foi nada de especial

Não foi nada que eu não quisesse fazer

Mas foi algo que no final…

No final, fez o meu coração tremer

 

Saber o orgulho da criança

Saber do sorriso no seu rosto

Saber que lhe proporcionei alegria…

Hoje, de rei, já posso ser deposto

 

Sei que ele não vai esquecer

Tudo aquilo que viu

Mas eu gostava que soubesse

Que a sua alegria a mim me atingiu

 

Obrigado puto, obrigado mãe, por terem feito que tudo tivesse outro significado

tags: , , ,
publicado por sensei às 14:40

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. Acabou, adeus....

. Algo especial

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds