Quinta-feira, 4 de Dezembro de 2008

Novo blog

Link para o meu novo cantinho.... Espero lá por voces.
Obrigado por lerem os devaneios que escrevo.


publicado por sensei às 11:07

link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 15 de Maio de 2008

Despeço-me de ti, AMOR

 

Dói-me a alma
De ver tudo terminar assim
Não consigo ter calma
Quando vejo que tu ditas-te o fim
 
O vazio no teu interior
O vazio a que me votas-te
Em mim causas-te muita dor
Essa dor que também tu já me sacias-te
 
De saber que já te tive
De saber que já te possui
De saber que em mim não te mantive
Mas acredita que não fui eu que fugi
 
O prazer que me deste
Quando na minha língua te senti
Quando forte te agarrei
É um momento que não esquecerei
 
O toque dos meus lábios em ti
O sentir do teu corpo
Os locais onde te possui
Esses locais de onde eu sai “torto”.
 
Porque teimas-te em terminar
Porque não nos amamos eternamente
Porque tinhas que acabar
Porque tinhas que acabar tão de repente
 
Custou-me, para aí um euro
Ter-te por breve instante
Tu que me transformas
Tu cerveja, meu amor distante
 
Agora foges de mim
Teimas em abandonar o meu corpo
Depois de me percorreres assim
Desde a boca, até quase ao escroto
 
Sais para não mais voltar
Desapareces nesse urinol
Misturada com a naftalina
Ou com pastilhas de mentol
 
Mas vai toda de uma vez
Leva até a ultima gota
Não me marques também as cuecas
Não te derrames na minha bota
 
Vai, amor infame
Vou-me entregar a outra bebida
Pois tu já não me excitas
Pois eu vou mudar de vida….

 

 

 

 

publicado por sensei às 11:16

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 6 de Maio de 2008

Corre o Risco

És como és

Tens o teu Q de especial

Tens os teus encantos

Não te julgues uma pessoa banal

 

Pensa no que podes fazer

No que podes criar

No que consegues oferecer

Em tudo o que tu desejas amar

 

Não tenhas medo de viver

Porque tens medo de arriscar

O risco foi feito para se correr

Só assim é que se consegue amar

 

Do que serve o amor sem risco

Sem medo de se falhar

Do que serve amar sem ter medo

Sem medo contra o que lutar

 

Tenta viver o teu dia

Como se fosse o ultimo neste lugar

Pois não sabes como passas a noite

Nem sequer se amanhã vais acordar

 

Não tenhas medo de viver

Corre o risco que tens que correr

Pois no final tu vais ver

Que só assim sabe bem vencer.

publicado por sensei às 10:53

link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 10 de Setembro de 2007

A minha morte

Hoje recebi a visita

Que todos queremos evitar

Hoje recebi uma visita

Que me fez arrepiar

 

Hoje visitou-me uma amiga

Que à muito eu não via

Uma amiga muito proxima

Que só sabia que existia

 

Vinha revestida de ouro

De perolas e brilhantes

Vestida de couro

Com brincos cintilantes

 

Vinha bela como sempre

Como sempre eu a quis

Vinha cheirosa como sempre

Com perfume feito em almofariz

 

Hoje passei a tarde com ela

Passeamos e brincamos

Foi então que vi nela

Os anos que desperdiçamos.

 

Hoje recebi dela uma prenda

Que não mais vou esquecer

Era a coragem que eu queria

Para no meu carro correr.

 

Disse-me que eu era bom

Que ela gostava de mim assim

Que adorava quando eu corria

Que iria esperar por mim no fim.

 

Não competia com ninguém

Só mesmo contra mim

A procura daquele alguem

Que me esperaria no fim

 

Ganhei esta corrida

Fiquei em primeiro lugar

Corri pela minha vida

Corri sem parar.

 

E bem que precisava

Eu de ter parado

No cruzamento passava

Quando o semaforo estava encarnado.

 

Corria de tal maneira

Que o cruzamento passei

Passei-o de tal maneira

Que parece que voei.

 

Uma, duas, três

Piroetas dei no ar

Mas infelizmente desta vez

Não tinha juizes para pontuar.

 

Sei que no final

A minha espera ela estava

Numa pose divinal

A morte me esperava.

 

publicado por sensei às 14:05

link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. Despeço-me de ti, AMOR

. Corre o Risco

. A minha morte

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds