Segunda-feira, 26 de Novembro de 2007

Visão diferente

Procurei no passado

Alguém que me vaticina-se o futuro

Mas fiquei amuado

Com um vaticínio tão duro.

 

Tentei encontrar

Onde foi que errei

Mas acabei por achar

Que o mal foi que nunca acertei

 

Cometi pequenos erros

Que julguei inofensivos

Cometi pequenos erros

Que no final foram decisivos

 

Amei muitas mulheres

E nenhuma eu amei

Porque em relação a mulheres

Parece que só as usei

 

Mas tenho que dizer

Que nunca tive intenção

De usar uma mulher

Para terminar com o meu tesão

 

Ameias de verdade

Se calhar de forma fugaz

E hoje até podia ter vaidade

Das mulheres que deixei para trás

 

Mas vaidade eu não tenho

Porque com todas cresci

Mas orgulho tenho

Por tudo o que com elas vivi

 

Ainda hoje há quem diga

Que lhe salvei o casamento

Alguém que continua minha amiga

Alguém que lhe demonstrei a fuga do tormento

 

Porque algumas mulheres que tive

Foi comigo que se libertaram

Pois ainda hoje tive

Mensagens de mulheres que me “amaram”

 

Fui quem lhes demonstrei

Que os seu homem era o certo

Que elas estavam bem

Para não arriscarem no incerto

 

Fui também eu

Que os olhos lhes abri

Que lhes levantei o véu

E lhes demonstrei como se fugia dali

 

Solitário eu continuo

Triste e abandonado

Frio como um muro

Com medo de ser amado

 

Porque por vazes dou comigo a pensar

Que o usado fui eu

Mas depois para me animar

Penso que assim ganhei o céu.

publicado por sensei às 16:28

link do post | favorito
Comentar:
De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 


.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds