Quarta-feira, 12 de Setembro de 2007

Despedida

Disseste que nunca me amaste

Pois não foi o que senti

Disseste que não me queiras fazer feliz

Pois na infelicidade eu não vivi

 

Disseste que era uma boa amiga

Muito mais eras para mim.

Disseste que te fazia sentir bem

Ainda bem que foi assim

 

Um ano e meio durou

Esta história que vivi

Abruptamente terminou

Abruptamente te perdi

 

Se calhar nunca te tive

Como me tiveste a mim

A ti sempre me dei

Do principio até ao fim

 

Conheci-te no trabalho

Logo vi que eras especial

A tua luz me encandeava

A tua luz era a minha essência vital

 

Foi nas escadas

Que tudo aconteceu

Foi onde, eu, Julieta

Beijei o meu Romeu

 

Mais de um ano depois

Voltas-me a abandonar

Eu sei que muito me dói

Mas não tem volta a dar

 

Os momentos de paixão

O sexo, ou amor, intenso

Nunca mais vão regressar

E fico triste quando assim penso

 

Mas mesmo na tristeza

Eu ainda estou feliz

Porque tenho a certeza

Que pela relação tudo fiz

 

Vais seguir o teu caminho

Eu seguirei o meu

Por ti terei carinho

Pois o amor por ti morreu

 

Hoje levanto a cabeça

Respiro fundo e olho em frente

Hoje acabou o teu tempo

Hoje acabou o meu ar deprimente

 

Aqui me despeço

Até outra altura

Nem que seja na boda

Quer seja a minha ou a tua

 

Adeus meu ex-amor

Que com “ferros” me matas-te

Guardo no coração com fervor

O momento em que a ele chegas-te

 

Adeus até qualquer dia

Dedicado às duas donzelas que me pediram para o escrever. Beijinhos M e N.

sinto-me: BEm
tags:
publicado por sensei às 11:48

link do post | comentar | favorito
10 comentários:
De MP a 12 de Setembro de 2007 às 12:06
Obrigada por o teres escrito para nós.
Não to disse na altura, mas as lagrimas correram-me pela cara quando te liguei para to ouvir dizer.
Era isso, sem duvida...são vivências, paixões, estados de espirito, afastamentos, corações feridos, mas muita força de vencer e ser feliz.
Beijinhos anjo.
De sensei a 12 de Setembro de 2007 às 12:09
espero ter traduzido o que queriam. Sois umas fofas.

Beijinhos
De MP a 12 de Setembro de 2007 às 12:13
Traduziste o que sentiamos, o que foi muito melhor.
Beijinhos anjo
De sensei a 12 de Setembro de 2007 às 12:17
ainda bem que o consegui fazer.
Agora tratemos do modo de pagamento. lol
500 euros em duas partes.... pode ser?
De MP a 12 de Setembro de 2007 às 12:18
hehehehehehe
tu disseste q era de graça...bastava somente umas beijocas mais nada!Lol!
De sensei a 12 de Setembro de 2007 às 12:27
Beijocas? Sessões de sexo a 3, faz favor.
Mas como voces não querem, tem que ser pagamento em euros.
Certo?
De MP a 12 de Setembro de 2007 às 12:32
Vamos pensar nisso
De sensei a 12 de Setembro de 2007 às 12:34
nao pode demorar mt, pk o pagamento devia ser no acto da entrega.
Como dia a minha avó: Cu no chão dinheiro na mão
De N a 12 de Setembro de 2007 às 15:35
o teu poema esta magnifico, fiquei sem palavras quando li e mais ainda quando reli...
não sei o que dizer...
apenas te quero agradecer por teres descrito tão bem duas histórias iguais e diferentes no seu espaço e tempo!!

fica bem:)
De sensei a 12 de Setembro de 2007 às 15:37
nao precisas de agradecer. Tu se calhar nao sabes, mas é um simples jogo de palavras. Pergunta a MP e ela explica-te.

Beijinhos

Comentar post

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds