Quarta-feira, 8 de Agosto de 2007

Amor fugido

Pedi-te, um dia,

Para esperares por mim

Mal eu sabia

Que não seria assim.

 

O problema que me atormentava

Da minha cabeça nao saía

Reparei que te amava

Mas não reparei que te perdia

 

Hoje tento correr

Para te recuperar

O medo de te perder

Não para de me atormentar

 

Será que é o de te perder

Ou de não te conseguir reconquistar

Algum deles ha-de ser

Mas sei que te continuo a amar.

 

Lembro-me das noites de paixão

Passadas no apartamento em Gaia

Espero que não tenham sido em vão

E que tanto amor por terra não caia.

 

Brincamos em muitos lugares

Brincamos de muitas maneiras

Lembro-me de ofegares

Por causa das nossas brincadeiras

 

A cama, o sofa

A mesa, o fogão

Tudo servia para apagar

Este fogo da paixão.

 

Hoje já não te tenho por perto

De certa forma tens razão

Hoje atravesso o deserto

Para procurar o teu perdão.

 

Se eu pudesse voltar

Ao tempo em que tudo ia bem

Juro que tudo ia mudar

Juro que contigo ia tentar ficar, meu bem.

 

É triste este final

É triste o que pensas de mim

Eu tento lutar por um sinal,

Por um sinal em que me digas SIM.

 

Mudo de vida se quiseres

De trabalho e de cidade

Quero ter-te a meu lado, se tu quiseres

Quero ter-te de verdade.

 

Tu és a minha princesa

E o teu sinal espero

Quero que tenhas a certeza

Que é a ti que eu quero

 

sinto-me: Bem, dentro do possivel
música: Mulheres
publicado por sensei às 10:54

link do post | comentar | favorito
|
4 comentários:
De fofinhatuga a 8 de Agosto de 2007 às 11:24
Quem será esta princesa que lançou em ti o fogo da paixão??
Espero que a consigas reconquistar e o vosso final alterar e que pelo seu SIM não precises mais de sofrer nem esperar...
"O amor é uma questão de tempo"

Jinhos
De {=Kri$tin@=} a 8 de Agosto de 2007 às 14:45
ola'...

desculpa a invasao... :)

So' pa dizer que o poema esta' lindoOoOoOoOoOo

x)

beijinhu*
De sensei a 8 de Agosto de 2007 às 14:56
Invasão? Espero que voltes muitas mais vezes. Gosto sempre de receber comentários e espero que este seja um espaço de todos.

Beijinhos
De fofinhatuga a 26 de Novembro de 2007 às 18:29
Hoje voltei a este poema...hoje voltei para tentar perceber as peças do puzzle.
Voltei por ontem. Voltei porque mesmo não gostando de puzzles, gosto de ver o final, gosto de perceber o que me rodeia.
Que sinal é esse?
Porque deixaste que ela te fugisse? Tento perceber o porquê de a teres deixado ir, mas...
O que é que afinal se passa no teu coração? Será que o passado para ti ainda é revivido e desejado?
Talvez o tempo volte atras...talvez...não sei que te diga

Comentar post

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds