Quinta-feira, 12 de Julho de 2007

Poema sobre a minha maezinha

Maezinha do meu coração,

Que a mim pariste,

Ainda sinto a tua mão,

Quando o nariz me partiste.

 

Eu não tenho culpa,

Eu nada fiz de mal,

Só uma vez na vida

Te peguei fogo ao avental.

 

Eu não tinha reparado,

Que tinhas o avental vestido,

Senão era de bom grado

Que pra longe tinha fugido.

 

Eu percebo o teu sentir,

Eu sei que muito me amas.

Ainda me lembro a sorrir

Quando dizias "anda cá que vais ver que mamas".

 

E é que não me mentias

Sempre que me apanhavas.

Com uma chapadas abrias,

E com um pontapé a sessão de carinho acabavas.

 

Sempre achei

Que tinhas amor por mim,

Nunca te demonstrei

Que não gostava era dele assim.

 

As caricias a alta velocidade

Nodoas negras deixavam.

Durante a minha mocidade,

Até de preto me Chamavam.

 

Não era preto do sol,

Nem da minha cor natural.

Era preto sem caracol,

Escurecido no chapadal.

 

Era chapada aqui

Era chapada acola.

Não percebi porque tanto comi

Ás vezes eras um pouco má.

 

Dentes já nao tenho,

Foste tu que mos tiraste.

Com um pontapé com engenho,

Do dentista me safas-te.

 

Minha mãe que tanto amo,

Acabas-te de quinar.

Vou-te ler já um salmo,

Para não te ver voltar.

 

Puta da velha nunca mais ia,

Já tava farto de levar no corpo.

Nem veneno nem merda nenhuma que bebia,

Acabava com o seu trono.

 

Agora que ela se foi

Já posso viver a vontade.

Vou cobrir que nem um boi

Vou ter a minha mocidade.

 

Porra ja tenho 50 anos,

Sem dentes e enrugado estou

Já ninguém quer que lhe limpe os canos

A que tristeza a minha mãe me votou.

 

Tal como quando era catraio

Agora ao bicho vou ter que bater.

Mas que porra de um raio

Nao tenho ninguem para f.....

sinto-me: Estuspisdo
tags: , ,
publicado por sensei às 11:17

link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Catarina a 12 de Julho de 2007 às 11:55
Bem, andas mesmo com afinco a fazer poemas, daki a pouco ja tens um livro quase. Devo dizer que gostei mais dos outros, é outro tipo lol.
Mas se a tua maezinha te batia era pk merecias...lol nem sem é assim, essa é k é a verdade :(

Jinhos bom fds k eu vou dar uma voltita.
De Infiel a 5 de Agosto de 2007 às 12:33
Bolas esta é a total negação á imagem de mãe Fiquei chocada

Comentar post

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds