Quarta-feira, 3 de Setembro de 2008

Dá-me um beijo

 

Já lutei contra monstros e dragões
Já tentei oferecer-te corações
Não sei mais o que fazer
Para a ti te poder ter
 
Desejo-te como a mais ninguém
Pois só tu me fazes bem
Não sei como te explicar
Mas acho que te estou a amar
 
Desejo os teus lábios, os teus beijos
Este é o maior dos meus desejos
Desejo contigo estar
Desejo contigo namorar
 
Já não durmo nem como
Pois a tua falta tira-me o sono
Já não sei para onde me virar
Para te poder conquistar
 
Como posso roubar o teu coração
Como posso selar a nossa união
Contigo quero ficar
Contigo desejo até casar
 
Dá-me um beijo
Mata-me este desejo
Deixa-me fazer-te feliz
Como dizes que um dia eu te fiz
 
Dá-me esta oportunidade
De te fazer feliz de verdade
Dá-me um beijo de paixão
Deixa, por uma vez, falar o teu coração…
publicado por sensei às 13:58

link do post | comentar | favorito
|
2 comentários:
De Catarina a 3 de Setembro de 2008 às 23:14
Olá

Andas verdadeiramente inspirado os teus últimos poemas são mesmo muito bons.

Gosto mesmo muito

Tou sem palavras!!
De fofinhatuga a 4 de Setembro de 2008 às 11:03
Esta verdadeiramente muito bonito.
O jogo de palavras, as sensações criadas, os desejos tão implicitos e verdadeiros...está lindo!!!

Beijo grande

Comentar post

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds