Quarta-feira, 17 de Outubro de 2007

JUIZO FINAL

Hoje é o dia do Julgamento Final

E eu estou na primeira linha da acusação

Neste julgamento sem igual

Tenho garantida a pena, não o perdão.

 

Neste julgamento que enfrento

Sou julgado por tudo o que fiz

Tudo o que guardei cá dentro

Tudo que tornei infeliz.

 

Sei que fiz toda a catequese

Ajudei à missa até

Mas isso não consta da tese

Não consta da acusação de falta de fé

 

Da acusação só consta

O vinho de missa que bebi

As blasfémias que disse

E toda a estupidez que escrevi.

 

Hoje é o juízo final

Neste mundo que ergui

Do primeiro beijo ao ultimo bacanal

Na tese de acusação eu ouvi.

 

Sei que vivi sem regra

Sem me preocupar com o futuro

Sei que nunca aceitei uma nega

Antes preferia levar um murro

 

Sei que pai não fui bom

Filho ainda fui pior

Apelidado de mauzão

Em muito lado combati o Amor.

 

Interpus-me entre casais

Desfiz até casamentos

Mas ficará nos anais

Que vivi com esses tormentos

 

Vivi sempre no limite

Fui terrorista e namoradeiro

Ainda hoje tenho quem me imite

Por esse mundo inteiro

 

Neste julgamento

Onde só há acusação

A defesa não tive direito

Espero só a condenação

 

Sei todo o mal que fiz

Sei o que estão a pensar

Ele não sabe o que diz

Está-nos a tentar enganar.

 

Perdão eu não procuro

Se calhar eu não o mereço

Sempre me fiz passar por duro

Mas fui mole desde o começo.

 

Sempre me droguei,

Fumei e bebi

Mas nunca drogas tomei

Sempre foi com as mulheres que vi

 

As mulheres não têm culpa

Mas sempre foram a minha perdição

Sempre as adorei

Foram o meu “Amor de Perdição”

 

Os casamentos que desfiz

O culpado não fui eu

O único erro que fiz

Foi levar a mulher ao céu.

 

Nunca matei ninguém

Só roubei corações

Só alguém que nunca o tenha feito

É que me pode dar sermões

 

Este Julgamento Final

Tem os dados viciados

O juiz celestial

Nem vai ouvir os julgados.

 

Sei qual a sentença que vou ter

Qual será o meu final

Hoje sei que vou perder

Ninguém ganha neste tribunal

 

O meu Juízo Final

Chegou hoje, finalmente

Num dia de baixo astral

Para não ser tão deprimente

 

Não tive defesa

Só tive acusação

Não tive de certeza

Direito a perdão.

 

O julgamento que me fizeram

Foi muito manipulado

No final não tiveram

Um pingo de bondade

 

Parto a saber

Todo o mal que fiz

Todos os que magoei

Todos aos que neguei fazer feliz

 

Parto a saber

Que não importou como vivi

Porque só acusação acabei por ter

E atenuante não vi

 

Se voltar a viver

Vou viver ainda mais intensamente

Para o meu Juízo Final

Não voltar a ser tão deprimente.

publicado por sensei às 14:53

link do post | comentar | favorito
|
5 comentários:
De fofinhatuga a 17 de Outubro de 2007 às 15:36
Espero que não seja hoje nem tão breve esse juizo final, até porque ha advogados de defesa prontos a interpor por ti e a conceder-te o perdão.
Na vida cometemos muitas loucuras, roubamos corações e até entramos em conflitos só para defender os nossos ideais.
Tu lutas todos os dias, por ti e por tudo aquilo que acreditas ser importante para seres feliz.
Viver a vida intensamente é o que mais importa, todavia há que ter em conta todos aqueles que nos rodeiam e mesmo os erros cometidos, desde que não sejam muito graves, todos tem o seu perdão.
E quem é que nunca roubou um coração?
Jinhos
De unknown a 18 de Outubro de 2007 às 21:56
A fOFINHATUGA TA MESMO APAIXONADITA.........
De fofinhatuga a 19 de Outubro de 2007 às 11:09
Estou de facto...pela vida:)
De Maria a 19 de Outubro de 2007 às 12:26
Oi... Coitado do sansei sofre mesmo como um condenado. Roubar corações todos roubam, mas sem intenção de faze-lo acabam por serem perdoados. Ja o sansei coitado, caso não mudar, sinto muito mas vai ser mesmo condenado.
Vai ficar encarcerado numa solidão tão grande que até mesmo a companhia da lua lhe será confiscada.
O fim dos que querem tudo as vezes é ficar com nada...
Bejnhos ...
De sensei a 19 de Outubro de 2007 às 13:16
Tens razao, que muitas vezes, os que tudo querem com nada ficam. Mas por vezes há sortudos que com tudo ficam tambem.
Obrigado pelos teus comentarios.

Beijinhos

Comentar post

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds