Segunda-feira, 10 de Setembro de 2007

A minha morte

Hoje recebi a visita

Que todos queremos evitar

Hoje recebi uma visita

Que me fez arrepiar

 

Hoje visitou-me uma amiga

Que à muito eu não via

Uma amiga muito proxima

Que só sabia que existia

 

Vinha revestida de ouro

De perolas e brilhantes

Vestida de couro

Com brincos cintilantes

 

Vinha bela como sempre

Como sempre eu a quis

Vinha cheirosa como sempre

Com perfume feito em almofariz

 

Hoje passei a tarde com ela

Passeamos e brincamos

Foi então que vi nela

Os anos que desperdiçamos.

 

Hoje recebi dela uma prenda

Que não mais vou esquecer

Era a coragem que eu queria

Para no meu carro correr.

 

Disse-me que eu era bom

Que ela gostava de mim assim

Que adorava quando eu corria

Que iria esperar por mim no fim.

 

Não competia com ninguém

Só mesmo contra mim

A procura daquele alguem

Que me esperaria no fim

 

Ganhei esta corrida

Fiquei em primeiro lugar

Corri pela minha vida

Corri sem parar.

 

E bem que precisava

Eu de ter parado

No cruzamento passava

Quando o semaforo estava encarnado.

 

Corria de tal maneira

Que o cruzamento passei

Passei-o de tal maneira

Que parece que voei.

 

Uma, duas, três

Piroetas dei no ar

Mas infelizmente desta vez

Não tinha juizes para pontuar.

 

Sei que no final

A minha espera ela estava

Numa pose divinal

A morte me esperava.

 

publicado por sensei às 14:05

link do post | comentar | favorito
|
1 comentário:
De fofinhatuga a 10 de Setembro de 2007 às 14:52
Gostei muito do poema, apesar de ele ser triste e falar de um problema que a todos nos afecta.
A velocidade e a morte nas estradas.
É algo que me afecta em muito, porque antes de mais, tenho o meu pai longe e quando cá vem tem de conduzir horas e horas a fio e eu tenho smp medo do que possa acontecer.
Era bom que na corrida da vida tal como na corrida das estradas, houvessem mais semaforos, mais calma e menos atropelamentos.
Jinhos grandeees e cuida de ti.

Comentar post

.Relogio

relojes web gratis

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Dezembro 2008

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.posts recentes

. Novo blog

. ADEUS

. PORTUGAL

. IGNORANCIA

. Mas que noite...

. SOZINHO

. Faltas-me tu

. Beijo

. Tenho medo de morrer

. O mundo pode acabar

.arquivos

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

.tags

. todas as tags

.links

.Contador

clasificados
clasificados
blogs SAPO

.subscrever feeds